Blog dLieve

Tecnologia e Logística

Atender a expectativa do cliente no processo de entregas se tornou um obstáculo cada vez mais difícil de ser ultrapassado. Em contrapartida, novos modelos de negócios estão surgindo e mudando essa realidade. Não acompanhar a atuação dessas empresas e aprender com elas seria um grande erro.

Neste artigo, vou mostrar empresas, como Rappi, Loggi e Uber, que estão influenciando a mudança de comportamento dos clientes e, por consequência, alterando a expectativa e experiência que eles têm em relação ao processo de entrega. Aproveite para tirar alguns insights para o seu negócio.

Se quiser saber ainda mais sobre as tendências do mundo logístico, baixe agora o infográfico que fizemos sobre o assunto. O material é gratuito.

tendências-em-logística

 

A “uberização” da logística

A Uber surgiu com o objetivo de facilitar a vida de quem precisa contratar um serviço de transporte particular e quem quer trabalhar com isso.

Por meio do aplicativo, qualquer pessoa, que cumpra os requisitos da empresa, pode trabalhar como motorista, utilizando seu próprio carro. Com o mesmo aplicativo, o passageiro contrata o serviço e utiliza pelo trajeto que precisar.

Seguindo o mesmo modelo, outras empresas surgiram oferecendo serviço de transportes de objetos e até de refeições.

uber eats

A própria Uber expandiu sua atuação e hoje já trabalha com outros módulos, como o Uber Rush, por exemplo. O serviço  permite que o usuário contrate um entregador pegar uma encomenda em um local e entregar em outro. O contratante consegue acompanhar o trajeto em tempo real. Por enquanto, ele  está disponível apenas em algumas cidades dos Estados Unidos.

Rappi e Loggi são empresas que trabalham com logística, mas assim como a Uber, não possuem nenhuma frota de veículos. Os entregadores se cadastram no aplicativo e são contratados pelas empresas para fazer entregas em locais determinadas pelo app. No caso da Rappi, o entregador não precisa ter um meio de locomoção específico. Cabe a ele decidir como fará a entrega, que pode ser de moto, bicicleta ou até a pé.

Essas empresas inovaram o mercado por dois grandes diferenciais. O primeiro é que nenhuma delas precisou ter uma frota de veículos para realizar um processo de entrega. A disponibilidade de profissionais das duas é alta e o serviço é oferecido dentro e fora do horário comercial.

O segundo diferencial é a entrega da informação em tempo real. O aplicativo comunica exatamente onde o entregador está e o cliente pode fazer o acompanhamento do pedido.

cliente esperando entrega

Uber, Rappi e Loggi utilizam um modelo sustentado pela inovação e pela transparência de informações, por isso conseguem atender a expectativa do cliente. Esse modelo tem se tornado cada vez mais comum na cabeça do consumidor e as empresas que não entregam informação em tempo real acabam frustrando a expectativa que se tem com seu processo de entregas.

Quando o cliente não tem visibilidade do processo, o índice de insucesso na primeira tentativa de entrega é alto. Essa ineficiência gera custos altos e transtornos para todas as partes.

O sistema dLieve torna o processo de entregas mais transparente.  Ele auxilia empresas que desejam fornecer aos clientes a mesma tecnologia que é utilizada por Uber, Rappi e Loggi. A proposta da plataforma é munir embarcadores e transportadoras com ferramentas para realizar o rastreio e a gestão logística em tempo real.

A solução conta com uma série de funcionalidades desenvolvidas para tornar a gestão mais eficiente e permite que o cliente faça o acompanhamento do seu pedido, recebendo data e horário de entrega do produto e/ou serviço contratado.

No entanto, entregar informação ao cliente é fundamental, mas não é o suficiente. As empresas também precisam usar esse recurso a seu favor. É preciso levantar dados sobre o desempenho das operações logísticas, analisá-los e identificar o que precisa ser melhorado a partir disso.

Por meio de indicadores de desempenho (KPI ‘s) é possível reunir esses dados e começar a interpretá-los. No sistema dLieve, o gestor visualiza essas informações diariamente, tanto o status das entregas quanto indicadores de desempenho que são calculados automaticamente.

sistema dLieve

 

Expectativa do cliente X realidade

O cliente sempre espera que ao comprar um produto sua entrega seja realizada dentro do prazo. Quando isso acontece antes do período informado pela transportadora, sua expectativa é superada.

Quando faltam informações sobre o andamento da entrega, a ansiedade do cliente aumenta, pois ele não sabe exatamente a hora que vai receber o pedido.

cliente insatisfeito

Imprevistos acontecem e podem gerar atrasos. Se o andamento do envio é informado e o consumidor sabe que o pedido vai atrasar, sua apreensão com o recebimento pode ser controlada.

As empresas que inovam em seus processos logísticos, conseguem atender e até superar as expectativas dos seus clientes exatamente nesse processo. Além disso, são destaque diante dos concorrentes que não oferecem a mesma qualidade no atendimento.

Manter o cliente informado, oferecer um serviço de qualidade e atender os prazos de entrega são fatores que melhoram o desempenho das empresas.

Ferramentas que permitem o monitoramento do trajeto da mercadoria, informam quanto tempo falta para o pedido ser entregue e pedem que o cliente dê feedbacks imediatos estão suprindo expectativas com relação ao serviço de entrega. Por consequência, essas ferramentas também ajudam empresas a aumentar o NPS perante os clientes.

feedback do cliente

Com isso, o consumidor tem se tornado mais exigente. Uma prova disso é o crescimento do modelo de entrega Same Day. O serviço é utilizado por clientes que querem garantir o recebimento do seu pedido no mesmo dia da compra. Dessa forma, evita transtornos, ansiedade e espera.

No Brasil, o Same Day  ocorre de forma muito pontual e gradativa. De todo modo, é preciso estar sempre atento às tendências do mercado para se manter à frente da concorrência.

 

Adotando as novas configurações do mercado logístico

A “uberização” logística não vai acabar com as empresas que utilizam métodos tradicionais, mas torna necessária a análise sobre os padrões e procedimentos que são usados.

Tornar a operação logística mais eficiente investindo em inovação e oferecendo informação para o consumidor é uma necessidade.

Para isso, o gestor deve estar informado e atualizado sobre ferramentas e métodos que ajudam a otimizar os processos de entrega. Investir em tecnologia, em soluções inovadoras e na logística 4.0 de forma que a transparência seja sempre uma prioridade para o negócio.

Quer saber como a dLieve pode te ajudar a tornar sua operação logística mais eficiente, transparente e capaz de atender a expectativa do cliente? Preencha o formulário abaixo e converse com um dos nossos consultores.

dlieve gestão logística

 

 

Enviar Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *