Blog dLieve

Tecnologia e Logística

O que é KPI na logística? Provavelmente, você já ouviu falar da sigla KPI (Key Performance Indicator ou indicadores chave de desempenho). Porém não sabe exatamente o que é e como deve ser usado.

Esse tipo de métrica é um conjunto de indicadores que mostram como estão o desempenho da sua operação, seu serviço e atendimento ao cliente. Com uma série de informações que os índices revelam, é possível criar estratégias para otimizar a qualidade e atingir a excelência em todas as etapas.

Comece a avaliar a sua gestão utilizando esses indicadores de desempenho. Acesse o ebook que preparamos!

ebook kpi logistica

Neste artigo, mostraremos o que é KPI na logística, quais são os principais indicadores do segmento e como usar. Confira!

 

O que é KPI na logística?

O Key Performance Indicator, ou do português: indicador chave de desempenho, são uma série de índices usados para metrificar e avaliar diversas etapas de um processo. A sigla já é usada há anos em diferentes setores da indústria e ajuda a revelar onde estão os principais problemas da empresa.

Com isso, o gestor pode desenvolver estratégias para otimizar seus processos, eliminando custos e proporcionando um melhor serviço para o cliente. Os KPIs são avaliados de forma quantitativa, correspondendo a dados numerais ou percentuais.

 

Medir os indicadores é a chave para o sucesso!

Encontrar KPIs relevantes para o tipo de negócio e aplicá-los ao dia a dia da empresa é uma prática fundamental para atingir o sucesso da operação. Diverso processos diários apresentam problemas que não são percebidos porque não há um modelo de medição em uso.

Alguns desses problemas podem significar grandes danos, como a perda de clientes ou prejuízos financeiros, mas por não serem metrificados, não é dado a devida importância que merecem.

A empresa deve buscar os KPIs que são mais usados em seu segmento ou criar seus próprios indicadores para medir e avaliar seus serviços. Para isso, é necessário entender os processos da empresa e definir exatamente quais são as informações que os indicadores deve apresentar.

Além disso, deve-se buscar e identificar formas de medir esses dados. Algumas empresas usam sistemas específicos para isso, enquanto outras preferem utilizar seus próprios meios. Veja o que será mais vantajoso, do contexto financeiro e prático, para seu negócio.

 

Quais são os principais indicadores? 

Cada empresa pode contar e criar seus próprios KPIs, pois as informações e necessidades da operação são bem particulares. No entanto, existem KPIs que devem fazer parte da avaliação de todo serviço de logística ou que depende do setor para sua atuação. Entenda:

Conheça todos os KPIs na logística!

Comece a avaliar os indicadores de desempenho da sua empresa.  No ebook  “KPI Logística: Avalie sua gestão com esses indicadores de desempenho“, a dLieve destaca 9 principais indicadores de desempenho e mostra como aplicar na prática.


 

Entrega no prazo

O indicador revela se a empresa está cumprindo com seus prazos de entrega. Considera-se um valor ideal quando o índice é superior a 90%. A entrega no prazo costuma ser medida pelo indicador On-Time Delivery (OTD).

O índice não avalia as condições com as quais o produto foi recebido, apenas se atendeu o prazo estipulado no momento da compra. Com o OTD a empresa pode mensurar quanto tempo leva desde a separação, expedição, envio e recebimento do pedido.

O OTD deve ser medido diariamente. Use a seguinte equação para chegar ao resultado:

Total de Entregas no Prazo ÷ Total Entregas * 100

o que é kpi na logística

 

On Time In Full (OTIF)

Considerado como o indicador mais importante para o setor de logística, o OTIF revela a performance do processo a partir da visão do cliente. Ou seja, representa o nível de satisfação do consumidor em relação aos serviço prestado pela empresa.

O cálculo desse índice deve ser feito com base em alguns critérios, como:

  • Pedidos atendidos no prazo (P)
  • Pedidos entregues sem erro (E)
  • Pedidos Completos ( que atenderam todas as especificações do cliente) (C)

Para calcular o índice, use a seguinte fórmula:

OTIF = P x E x C”

relacionamento com o cliente

Além disso, a empresa também pode criar formulários onde o cliente preenche sua avaliação sobre o serviço recebido. A vantagem desse modelo é que o cliente tem a opção de incluir comentários, detalhando possíveis problemas identificados no processo.

Depois a empresa usa as informações para criar relatórios e comparar com os resultados da equação.

Confira também nosso artigo para melhorar seu relacionamento com o cliente.

 

Usar KPIs de logística vai revelar para a empresa dados importantes sobre os processos utilizados, sobre a operação de forma geral e como o cliente está recebendo e entendendo o serviço.

Diversos problemas podem ser encontrados no meio do percurso quando a empresa captura as informações, metrifica e analisa os dados. Dessa forma, é possível criar estratégias com objetivo de solucionar os problemas e aplicar melhorias para que o cliente se sinta sempre bem atendido.

Além disso, os KPIs de logística também revelam onde a empresa está acertando, permitindo investimentos para automatizar os processos que já estão bem alinhados. Confira nosso material e comece a avaliar seus indicadores ainda hoje!

 

Faça uma demonstração gratuita do sistema dLieve!

dlieve gestão logística

 

Enviar Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sobre o autor

Patrick Rocha

Executivo de Logística e Negócios.
CEO da dLieve